Matas secas da Bacia do Rio Paranã podem desaparecer em 25 anos, alerta estudo

A bacia do Rio Paranã está localizada na região sudeste do Estado do Tocantins e nordeste do Estado de Goiás e é considerada uma área de extrema importância para a conservação da biodiversidade, pelo fato das matas secas serem uma das florestas mais ameaçadas do mundo e possuir várias espécies endêmicas, como a tiriba-do-paranã - Pyrrhura pfrimeri espécie ameaçada de extinção, que estão associadas ao tipo de vegetação da região.

Mata seca, Tocantins, Goiás, Mata seca Tocantins, Pfrimer's Parakeet, Mata seca cerrado, afloramento-de-calcário, espécies ameaçadas, desmatamento, Taguatinga, Aurora do Tocantins, Rio Paranã, matas secas da bacia do Rio Paranã, Tiriba, Tiriba de pfrimer, Estudo publicado na revista Biotropica (Disponível aqui) mostra que a bacia do Rio Paranã tem os remanescentes de matas secas mais significativos do bioma Cerrado. Entretanto, a forte pressão antrópica na região tem levado a conversão da cobertura vegetal para pastagens e campos agrícolas.

Entre 1977 e 2008, houve uma redução na área de vegetação nativa na ordem de 66,3%, representando uma taxa de desmatamento anual de 3,5%. Como consequência ocorreu um aumento no número de fragmentos e redução de sua área, sendo essas transformações mais intensas nos locais de relevo plano.

Os únicos remanescentes ainda significativos estão associados aos afloramentos de calcário, mas os pesquisadores alertam que, se o padrão de desmatamento persistir, em 25 anos as áreas de floresta da região podem desaparecer. A criação de unidades de conservação e o envolvimento da população local são elencados como fatores principais para reverter o quadro de degradação. 

Porém já se passaram 6 anos desde a data final do mapeamento e nada foi feito no sentido de preservar as matas secas da bacia do Rio Paranã. Interesses políticos dificultam a implantação das medidas propostas, principalmente a relacionada a criação de unidades de conservação.
Matas secas da Bacia do Rio Paranã podem desaparecer em 25 anos, alerta estudo Matas secas da Bacia do Rio Paranã podem desaparecer em 25 anos, alerta estudo Reviewed by Dianes G. Marcelino on 07:12 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.