Feijão-borboleta ou Cunhã, curiosidades e propriedades medicinais

O feijão-borboleta ou Cunhã (Clitoria ternatea) é uma planta pertencente a família do feijão e da ervilha. Originária de regiões da Ásia Tropical é também como ervilha-borboleta, ismênia e palheteira. Atualmente pode ser encontrada em diversas regiões da América do Sul e Central, Índia, China e Sudeste Asiático.

feijão-borboleta, cunhã, clitoria ternatea, palheteira, flores de cunhã, flores de feijão-borboleta, Ismênia, clitoria, usos medicinais, cura pela natureza, natureza, plantas que curam, medicina popular, culinária, ervilha-borboletaSeu nome científico (Clitoria) tem origens nas características das flores da planta, que se assemelha a forma do órgão genital feminino. Outra característica marcante das flores do feijão-borboleta é a sua cor, um azul intenso que deixa a flor muito chamativa. Em alguns cultivares, a flor pode apresentar-se totalmente na coloração branca.

O feijão-borboleta é uma trepadeira perene e pode ser cultivado em pequenos vasos como planta ornamental, desenvolvendo-se rapidamente e ficando florida na maior parte do tempo de sua vida. As sementes são fáceis de serem plantadas e germinam rápido e em pouco tempo a planta já começa a florir. As sementes do feijão-borboleta podem ser encontradas neste link.

Dentre os principais usos do feijão-borboleta está seu emprego como planta forrageira, sendo considerado o feno tropical por se adaptar-se muito bem a uma variedade de ambientes e tipos de solos, sendo ainda uma planta fixadora de nitrogênio no solo, melhorando sua qualidade. Mas a cunhã apresenta ainda outros potenciais usos nobres, destacando seu emprego na medicina popular e alimentação humana.

Na medicina popular o feijão-borboleta tem sido empregado no tratamento de infecções de garganta e olho, febre, indigestão, calvície, estresse, fortalecimento da memoria, dentre outras aplicações. Rica em fitoquímicos, a infusão das flores é hepatoprotetora e antidiabética e o suco é usado na medicina ayuvérdica para curar picadas de insetos e doenças de pele.

Na cozinha, a planta também apresenta inúmeras aplicações, sendo as folhas, vagens e flores as partes utilizadas do feijão-borboleta. Entretanto, as flores é a parte mais utilizada, sendo empregadas na preparação de comidas azuis diversas, tais como refrescos, chás, sopas, sorvetes, arroz, tapiocas, etc. Plante a cunhã em sua casa e descubra seus benefícios, sementes podem ser adquiridas neste link.
Feijão-borboleta ou Cunhã, curiosidades e propriedades medicinais Feijão-borboleta ou Cunhã, curiosidades e propriedades medicinais Reviewed by Dianes G. Marcelino on 10:46 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.