Criação do Parque Estadual de Botumirim, em Minas Gerais, pode não sair do papel

A criação da Unidade de Conservação de Proteção Integral Parque Estadual de Botumirim, na cidade de Botumirim em Minas Gerais está ameaçada e pode não sair do papel devido a questões políticas. A criação desta UC tem por objetivo preservar ambientes naturais da região do Espinhaço e garantir a sobrevivência da única população de uma das aves mais ameaçadas de extinção do mundo e legitimamente brasileira, a rolinha-do-planalto – Columbina cyanopis.

Parque estadual de botumitim, minas gerais, serra do espinhaço, política, unidades de conservação, governo de minas gerais, rolinha do planalto, columbina cyanopis, natureza, extinção, unidade de conservação, save brasil, blog natureza e conservaçãoDiante de tal situação, representantes do Instituto Grande Sertão tem convocado ambientalistas, ONG’s, a comunidade científica, estudantes e comunidade em geral para pressionar os deputados mineiros que tem se demonstrado contrários ao projeto em prol de interesses econômicos. De acordo com a mensagem da campanha, os deputados contrários à criação do Parque Estadual de Botumirim estão defendo interesses de mineradoras de quartzito que avançam na região da Serra do Espinhaço.

A mobilização em prol da conservação da rolinha-do-planalto visa que todas as pessoas solidárias com a criação do Parque de Botumirim enviem, de preferência nesta segunda-feira, ofício ou email ao Governador de Minas com cópia para o secretário Germano Luiz Gomes Vieira e para o diretor do Instituto Estadual de Florestas – IEF Henri Dubois Collet pressionando sobre a necessidade urgente de criação desta unidade conservação. Você também pode ajudar através das redes sociais compartilhando esta postagem e mobilizando o maior número de pessoas possível.

rolinha do planalto, columbina cyanopis, Botumirim, parque estadual de botumirim, doove, natureza, unidades de conservação, conservação, preservação ambiental, meio ambiente, ambientalista, biologia, extinção, blog natureza e conservação, cerrado, serra do espinhaço, políticaA rolinha-do-planalto era até o ano de 2015 uma das mais enigmáticas aves do Brasil. Endêmica do cerrado, a espécie permaneceu sem registros confirmados por 75 anos, até ser redescoberta em Botumirim pelo ornitólogo Rafael Bessa. Após redescobrimento estudos estão sendo conduzidos para tentar salvar os últimos 12 indivíduos da espécie e a criação de uma área proteção integral é essencial para garantir este objetivo. Atualmente a única unidade de conservação na área e a Reserva Particular do Patrimônio Natural Rolinha-do-Planalto, mas que legalmente não é uma UC de proteção integral.

Tire um tempinho e envie um email com sua indignação e cobrando a criação do Parque Estadual de Botumirim para os contatos abaixo. A natureza e as futuras gerações agradecem!

Fernando Dantas Pimental – Governador de Minas Gerais (governador@governador.mg.gov.br)

Germano Luiz Gomes Vieira – Secretário. Fone: (31) 3915-1905 | 3228-7834 (secretario.semad@meioambiente.mg.gov.br)

Valquíria Moreira Lopes – Assessora Chefe de Comunicação Semad (ascom@meioambiente.mg.gov.br)

Paulo Fernando Scheid – Gerência de Criação de Unidades de Conservação. Fone: (31) 3915-1384 (Paulo.scheid@meioambiente.mg.gov.br)

Eduardo Pedercini Reis – Presidente da Fundação Estadual de Meio Ambiente. Fone (31) 3915-1244 (presidenciafeam@meioambiente.mg.gov.br)

Adalclever Ribeiro Lopes (MDB) – Presidente da Assembleia (dep.adalclever.lopes@almg.gov.br)


Siga o blog Natureza e Conservação no FacebookYouTube e Instagram.

Sobre o autor

Dianes G. Marcelino é consultor, engenheiro ambiental e mestre em ecologia de ecótonos pela Universidade Federal do Tocantins. Tem experiência em licenciamento ambiental, geoprocessamento, ecologia, recuperação de áreas degradadas e gestão de resíduos sólidos.
Criação do Parque Estadual de Botumirim, em Minas Gerais, pode não sair do papel Criação do Parque Estadual de Botumirim, em Minas Gerais, pode não sair do papel Reviewed by Dianes G. Marcelino on 21:43 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.