Criar animais silvestres em cativeiro alimenta o tráfico de espécies

Criar animais silvestres em cativeiro é um hábito muito comum em várias partes do mundo. A procura na maioria das vezes é por espécies que apresente beleza chamativa, canto harmonioso ou facilidade para reproduzir ações solicitadas por seus criadores. Outros colecionadores buscam por espécies raras, sendo que muitas dessas podem estar ameaçadas de extinção.

Tráfico, animais, silvestres, comércio ilegal, contrabando de animais, animais, animais silvestres, animais nativos,  Animal trafficking, animal, conservaçãoA tradição é passada de geração para geração, criando um ciclo que não contribui em nada para a conservação das espécies e manutenção de determinado ecossistema.

O maior problema disso tudo é que, se há demanda, o comércio clandestino de animais silvestres surge para alimentá-lo. Diariamente os fiscais de combate ao tráfico de animais encontram inúmeras situações em que os animais são transportados e armazenados em condições inadequadas para sua sobrevivência.

Tráfico, animais, silvestres, comércio ilegal, contrabando de animais, animais, animais silvestres, animais nativos,  Animal trafficking, animal, conservaçãoDe todos os grupos, as espécies de aves são as mais encontradas em cativeiros e lideram as estatísticas do tráfico de animais. Em seguida estão os répteis (crocodilos, cobras e lagartos) e mamíferos (primatas, felinos, etc), mas o mercado ilegal também é abastecido por borboletas, peixes ornamentais, anfíbios e plantas.

A conscientização da população é fundamental para combater esse tipo de crime e deve começar desde cedo. As crianças devem ser ensinadas que animais silvestres não devem ser criados em casa. Eles devem ser admirados livres na natureza, sua verdadeira casa. 

Denuncie o comércio ilegal de animais silvestres! A natureza agradece por sua ajuda.
Criar animais silvestres em cativeiro alimenta o tráfico de espécies Criar animais silvestres em cativeiro alimenta o tráfico de espécies Reviewed by Dianes G. Marcelino on 21:19 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.